18 de julho de 2015

INSTRUÇÕES PARA A VIDA (POR DALAI-LAMA)

Segue algumas das que achei mais legais (ele cita um monte...)


Ame profundamente e com paixão. Você pode se machucar, mas é a única forma de viver a vida completamente.

Não julgue pessoas pelos seus parentes.

Lembre-se de que grandes amores e grandes conquistas envolvem riscos.

Quando você perder, não perca a lição.

Não deixe uma pequena disputa ferir uma grande amizade.

Case com alguém que você goste de conversar. Ao envelhecerem, suas aptidões de conversação serão tão importantes quanto qualquer coisa.

Abra seus braços para mudanças, mas não abra mão de seus valores.

Viva uma vida boa e honrada. Assim, quando você ficar mais velho e olhar para trás poderá aproveitá-la mais uma vez.

Em desentendimentos com entes querido, enfoque a situação atual. Não fale do passado.

Reparta o seu conhecimento. É uma forma de alcançar a imortalidade.

Nunca interrompa quando estiver sendo elogiado.

Não confie em alguém que não feche os olhos quando beija.

Lembre-se de que não conseguir algo que você deseja, às vezes, é um golpe de sorte.

Aprenda as regras e quebre algumas.

Lembre-se de que o melhor relacionamento é aquele onde o amor de um pelo outro é maior do que a necessidade de um pelo outro.

Julgue seu sucesso pelas coisas que você teve que renunciar para consegui-lo.

Lembre-se de que seu caráter é seu destino.

Usufrua o amor e a culinária com abandono total.


João Anzanello Carrascoza (Redação Publicitária: estudos sobre a retórica do consumo; págs: 33, 34, 35 e 36)

Nenhum comentário: