3 de março de 2015

COMO POSSO?

Como posso? Não, o verdadeiro problema é este: como é que não posso; ou antes, pois sei perfeitamente por que é que não posso, o que eu sentiria se pudesse, se fosse livre, se não estivesse escravizado pelo meu condicionamento?


Aldous Huxley (Admirável Mundo Novo, pág: 117)

Nenhum comentário: