10 de abril de 2012

UMA NOVA COR DE BATOM

A publicidade precisa sempre de sangue novo, da experiência de gente que acrescenta, que leva às últimas consequências sua própria entrega ao trabalho. De gente que é capaz de se emocionar com um por-de-sol e com uma nova cor de batom. Que é capaz de imprimir um toque poético ao prosaico texto sobre calcinhas ou de tornar legível o economês da campanha de uma financeira. Gente que é capaz de retirar qualquer conotação vulgar de um preservativo e restaurar as pequenas emoções no espaço delimitado de um comercial de tevê ou de um anúncio de jornal. De ousar um out-door com um mínimo de palavras e fazer com que um jingle seja assobiado nas ruas.

Para isto o publicitário existe e trabalha, não apenas para profissionalmente resolver o problema de comunicação do cliente, mas para a partir desde material de trabalho recriar, reinventar o mundo, fazer arte, ditar uma linguagem do nosso tempo.


Gilmar de Carvalho

5 comentários:

Beck Santos disse...

Oiee!! Gostei mto do seu cantinhOO...Estou te seguindoO!!
Quando puder,faz uma visitinha também...Estou começando o meu agora!!
Abraços

http://meuspensamentos-2012.blogspot.com.br/

George Facundo disse...

Muito massa essa idéia! Eu mesmo já marquei em minha mente propagandas que se eternizaram em minha memória... Enfim, uma arte, sem dúvida! :-)

Diego Cosmo disse...

E a propaganda pode ir além disso! :)

Diego Cosmo disse...

Beck, respondi por comentário no seu blog! Caso ñ tenha visto ainda.

BJ

Beck Santos disse...

Obrigada pela visita !!

Paz pra tih ...;)