30 de outubro de 2011

ARRUMANDO MEU CAMINHO


Eu não voltei mais para casa desde quando você foi embora a tempos atrás
Estou arrumando meu caminho de volta ao céu
Contando passos, caminhando na contra mão desta estrada
Estou contando meu caminho de volta ao céu
Eu não posso ser livre com o que está preso dentro de mim
E se existe uma chave, você levou em suas mãos.

Não há errado e certo, mas tenho certeza de que há bom e mau
As questões persistem em minha mente
Não importa quão frio seja o inverno, há uma primavera adiante
Estou arrumando meu caminho de volta ao céu
Gostaria de abraçar você se eu pudesse
Gostaria se eu a tivesse..

Pensando sobre o céu
Eu soltei uma corda, pensando que ela me traria de volta
E a tempo eu percebi, ela agora está enrolada em meu pescoço
Eu não consigo ver o que estar por vir, desta passagem solitária
De cabeça baixa e contando meus passos, é mais um carro passando
Todos os sinais enferrujados que nós ignoramos por toda a nossa vida
Em vez deles escolhemos os brilhantes

Eu mudei minha direção, agora não há como voltar
Não importa quão frio seja o inverno, há uma primavera adiante
Eu sorrio, mas quem estou enganando?
Eu estou percorrendo as milhas, de vez em quando eu pego uma carona

Estou arrumando meu caminho de volta ao céu
Arrumando meu caminho de volta ao céu
Estou arrumando meu caminho de volta ao céu...


Pearl Jam (Thumbing My Way)

Nenhum comentário: