31 de março de 2011

CULTO A DEUS


O melhor culto é defender a justiça. Deus não gosta de ajuntamentos com liturgias auto-centradas que só buscam canalizar o seu favor. O verdadeiro culto disponibiliza pessoas para cuidar de órfãos e de viúvas, esta é a verdadeira religião, segundo Tiago. Qualquer verticalização do louvor só tem sentido se promover a verticalização do serviço. Espiritualidade é reconhecer Deus no rosto do pobre, do nu, do faminto e do desterrado; tudo o mais é individualismo travestido de piedade. Anseio por reuniões que celebrem a graça, sem paranoias espirituais, sem alguém tentando infundir culpa para descansar no inescrutável amor de Deus. Quero participar de comunidades leves, sem as afetações próprias do glamour do mundo, onde os sorrisos sejam gratos e os abraços sinceros. O caminhar de Jesus não combina com lugares espetaculosos. Viver os valores do reino prescinde de holofotes.


Ricardo Gondim

3 comentários:

Marcelo Pirajá Sguassábia disse...

Como está, Diego? Obrigado pelo comment em Consoantes Reticentes e parabéns pelo seu blog - cada vez melhor. Abraços.

Sylvio de Alencar. disse...

Palavras finas, leves, e soltas. Além de verdadeiras, claro!
Tenho sentido as mesmas vontades: a de estar com pessoas que celebram a vida, e a espeiritualidade.

Abração!!

Marcelo Pirajá Sguassábia disse...

Este seu texto é um verdadeiro manifesto contra contra as IURDs da vida! Bravíssimo. Muito bom mesmo!