16 de março de 2010

UMA DEFINIÇÃO DE RELIGIÃO?

"William James definia religião como 'os sentimentos, atitudes e experiências dos indivíduos na sua esfera privada no que diz respeito a posição em que eles avaliam-se estar em relação ao que quer que seja que considerem o divino'".

3 comentários:

Sylvio de Alencar. disse...

É uma boa definição. Filosófica mas boa por ser bem definida, não há muito por onde 'escapar'. Inteligente. Pensada. Racional. Mas, insatisfatória por não ter a chama da sabedoria.
Talvez eu achasse o seguinte: religião é uma maneira de entregarmos nossa procura pelo Divino a alguém que, embora não tenha encontrado o que talvez procure, nos diz que tem a resposta ao que procuramos.
Religião é o (profundo respeito que professamos ao) ato de reencontrar-nos conosco, e com Deus. E que buscamos e buscaremos eternamente até que, parando de buscar, se realize.

Diego Cosmo disse...

Sua teoria tem semelhanças com a de William, não sei se religião seria "entregar nossa procura do divino a alguém que diz ter a resposta que procuramos". É certo que religião foi criada por nós, homens, mas talvez a procura seja algo que não se limite a nós, os mortais. A realização profunda mesmo só vem depois da morte que cabe só a quem já morreu... xd

vlw Sylvio pela contribuição!

Sylvio de Alencar. disse...

Sem dúvida a religião nasceu da nescessidade de dar expressão a algo divino que trazemos em nós.
Mas, entregar essa possibilidade de comunicação a outra pessoa, é nós diminuirmos perante a quem nos queremos nos aproximar.